É necessário romper

No post anterior dissertei sobre o aprendizado adquirido com a borboleta. Mas ainda preciso expor mais uma lição que a borboleta me ensinou.
É notório que para se tornar tão bela, a borboleta passa por uma transformação (metamorfose). Na última fase desse processo (imago) ela precisa romper o casulo, e isso não é fácil!
Para sair do casulo é preciso romper a casca, o que inevitavelmente ocorre através da dor. Ora a casca onde a borboleta fica envolta até a fase adulta, na qual ela se liberta do mesmo e torna-se livre, é uma casca um tanto quanto espessa e dura. É necessário tentar quebrar a casca não uma ou duas, mas várias vezes.Entretanto, quando a borboleta consegue, alça vôos maravilhosos e conquista uma liberdade sem igual.
Meu lindo, minha linda, entenda que assim como não é fácil para a borboleta romper o casulo, também não é fácil para nós, romper as "cascas" que nos aprisionam. Mas Deus não tem pra nós prisão, e sim, LIBERDADE! Em João 8:36 está escrito:

"Se, pois, o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres" 


Pérola de Cristo,

Saiba que a sua liberdade foi paga com um alto preço, isto é, o Sangue de Jesus! Mas uma vez que Ele deu a vida por nós, para que desfrutássemos da vida eterna e da liberdade genuína, é necessário que o aceitamos e o sigamos. O Filho nos libertou para que vivêssemos com Ele e para o Pai. Assim como não foi fácil para Ele pagar o preço pela nossa salvação e libertação do pecado, não é fácil para nós, deixar as  "cascas" que nos são impostas. Mas embora o processo de libertação não seja fácil, Ele é necessário e vale a pena passar por essa dor. O resultado de tal processo é uma liberdade incomparável e impagável, que nos levará não apenas a viver, mas a cantar:

* "E a liberdade será a canção do meu coração
Não vou mais olhar atrás meu passado não importa mais,
eu sou livre
O teu sangue me fez livre
Quebrou minhas correntes
Me fez seu filho
Se o filho vos libertar, verdadeiramente, sereis
livres
Se o filho vos libertar, verdadeiramente, sereis
livres, livres,livres
Não vou mais olhar atrás meu passado não importa mais,
eu sou livre
Sou livre, sou livre, pra te adorar
Sou livre, eu vou além, nas alturas"

Dayani Xavier 

*Música: Canção da Liberdade II (Clamor pelas Nações)


0 comentários:

Postar um comentário